option
My Daypo

ESTRUTURAS DE AERONAVES

COMMENTS STADISTICS RECORDS
TAKE THE TEST
Title of test:
ESTRUTURAS DE AERONAVES

Description:
Simulado

Author:
Rodrigo Guedes da Silva
(Other tests from this author)

Creation Date:
22/08/2014

Category:
Science

Number of questions: 30
Share the Test:
Facebook
Twitter
Whatsapp
Share the Test:
Facebook
Twitter
Whatsapp
Last comments
No comments about this test.
Content:
A fuselagem de um helicóptero consiste de que partes? Consiste de célula, rotor principal e caixa de engrenagens de redução, rotor de cauda e trem de pouso. Consiste de célula, rotor, trem de pouso e estabilizadores. Consiste de Empenagem, fuselagem, asas, armação e trem de pouso. Consiste de armação, rotor secundário, caixa de engrenagens, rotor de cauda e trem de pouso.
A grande variedade de materiais empregados na fuselagem de uma aeronave, são unidos através de quê? De parafusos, cabos e fitas. De rebites, parafusos e soldagem ou adesivos. De cola, adesivos e prendedores. De rebites, prendedores e solda.
O que significa a afirmação “Os membros estruturais são projetados para suportar mais cargas nas extremidades do que sobre suas laterais”? Significa que os membros estruturais são mais sujeitos a torção, do que a flexão. Significa que os membros estruturais são mais sujeitos a flexão, do que a tensão. Significa que os membros estruturais são mais sujeitos a flexão e compressão, do que a tensão. Significa que os membros estruturais são mais sujeitos a tensão e compressão, do que a flexão.
Como é chamada a determinação das cargas que são impostas às partes da aeronave? Análise de estrutura. Análise espectométrica. Análise de estresse. Análise Barcol.
Quais são os cinco estresses maiores, aos quais todas as aeronaves estão sujeitas? Tensão, pressão, potência, corrente e cisalhamento. Compressão, resistência, corrente, flexão e torção. Torção, flexão, resistência, rigidez e cisalhamento. Tensão, compressão, torção, cisalhamento e flexão.
O que é estresse? É um início de fratura. É um indício de fratura. É uma força interna em uma substância que se opõe ou resiste à deformação. É uma força externa em uma substância que se opõe ou resiste à deformação.
É a estrutura principal ou corpo de uma aeronave: Empenagem. Célula. Fuselagem. Asa.
tipos gerais de construção de fuselagens: Monocoque; semi-monocoque. Treliça e semi- cantilever. Inteiriça e monocoque. Monocoque e cantilever.
O desenho da fuselagem tipo monocoque pode ser dividido em 3 classes. Quais são elas? Monocoque, semi-monocoque e cantilever. Cantilever, revestimento reforçado e treliça. Monocoque, semi-monocoque e revestimento reforçado. Montante, treliça e cantilever.
A maioria das aeronaves é considerada: Monocoque. Semi-monocoque. Revestimento reforçado. N.D.A.
Qual é a principal vantagem de uma construção tipo semi-monocoque? Depende de poucos membros para resistência e rigidez. Não depende de uns poucos membros para resistência e rigidez. A estrutura é muito leve. É de fácil desmontagem.
É um plano vertical imaginário no/ou próximo ao nariz do avião, a partir do qual todas as distâncias são medidas: Body station. Datum. Buttock line. Water line.
As asas da maioria das aeronaves atuais são do tipo: Monocoque. Cantilever. Semi-monocoque. Montante.
São os membros estruturais principais das asas: Longarinas. Vigas de reforço. Nervuras. Paredes.
Consiste de uma placa sólida com reforçadores verticais que aumentam a resistência da armação: Placa de armação. Nervura. Falsa nervura. Vigas de reforço.
São membros estruturais que compõem a armação da asa, dando a curvatura e transmitindo os esforços do revestimento e reforçadores para as longarinas: Vigas de reforço. Montantes. Nervuras. Falsas nervuras.
É normalmente a seção mais estressada de uma asa: Longarina principal. Vigas de reforço. Nervura traseira. Todas corretas.
É um tipo de asa com tanque integral, e é a mais utilizada nos modernos aviões: Asa molhada. Asa bipartida. Asa seca. Asa inteiriça.
É feito de um núcleo de colméia de folhas de alumínio, colada entre duas chapas de alumínio: Casulo. Nacele. Sanduíche(honeycomb) de alumínio. Composite.
Os berços de motores são geralmente fabricados em tubos soldados de: Aço cromo molibdênio. Aço inoxidável. Titânio. Honeycomb.
A parte da aeronave que aloja o trem de pouso é chamada de: Caixa do trem. Nacele do trem. Berço do trem. Pilone do trem.
Termo que geralmente aplica-se à cobertura removível daquelas áreas onde se requer acesso regularmente, tais como motores, seções de acessórios e áreas de berço ou da parede de fogo: Carenagem. Janelas de inspeção. Painéis de acesso. Naceles.
É também conhecida como seção de cauda, e na maioria das aeronaves, consiste de um cone de cauda, superfícies fixas e superfícies móveis: Fuselagem. Estrutura. Empenagem. Dorso.
As aeronaves que requerem uma área alar extra para ajudar na sustentação, geralmente utilizam flapes: a)Desinfetante. b)Simples. c)Fowler. d)A e C estão corretas.
Servem para reduzir a velocidade de uma aeronave em vôo: Flapes de mergulho. Freios de velocidade. Freios de mergulho. Todas corretas.
É o conjunto que suporta o peso da aeronave no solo e durante o pouso: Pneus. Trem de pouso. Hastes. Atuadores.
A cabine do helicóptero é normalmente de: Alumínio. Plexiglass. Honeycomb. Aço.
As partes que podem ser removidas da estrutura do helicóptero são geralmente: Rebitadas. Coladas. Seladas. Parafusadas.
É de fácil manuseio, possui um alto índice resistência-peso, e resiste ao mofo, à corrosão e ao apodrecimento por fungos: Alumínio. Honeycomb. Fibra de vidro. Plexiglass.
Serve para fechar e dar acabamento aerodinâmico a maioria das fuselagens: Empenagem. Asa. Janelas. Carenagem e cone de cauda.
Report abuse Terms of use
HOME
CREATE TEST
COMMENTS
STADISTICS
RECORDS
Author's Tests